Skip to main content

SOBRE A ARTE

"Levo" é um políptico composto por catorze peças, um retábulo conceitual concebido por uma ideia autónoma de pintura, escultura e composição espacial. Expressa uma mensagem positiva de elevação social e pessoal através da cor e das texturas que enfatizam a natureza vernacular desta criação, fortalecendo a ligação com o lugar e a comunidade.
Separado da peça em si, o posicionamento da experiência de vida oferece um filtro criativo para uma recolha metódica de elementos geométricos e de textura que transportam o observador para uma livre apreensão.
O trabalho do artista é caracterizado por uma aparência de simplicidade estética que, não obstante, transcende uma complexidade intrínseca derivada da natureza vernacular dos materiais, formas, cores e texturas, numa peça abstrata que deixa todas as ligações emocionais e interpretações subjetivas para o observador.

SOBRE O ARTISTA

Santiago Aleman nasceu em 1972, em La Almarcha (Espanha), como Julian Ramirez Rentero. Vive e trabalha atualmente em Londres. Estudou Arquitetura, Paisagismo e Belas-artes em universidades de Espanha, Alemanha, Japão e Reino Unido, e lecionou Conceitos de Arquitetura na Universidade Xi'an Jiaotong-Liverpool em Suzhou, na China. Aleman desenvolveu uma prática considerada como arte contemporânea, com uma ênfase criativa na importância das realidades ambientais e socioculturais.  A sua obra reflete a ideia do caráter vernacular como um percurso artístico para a abstração. O vernáculo da atualidade volta para abraçar uma multiplicidade de expressões, menos relacionadas com o código literário académico e mais próximas de uma realidade que o artista cria como uma construção visual da interseção entre estrutura espacial e pintura volumétrica. Aleman expôs a sua obra no Reino Unido, Taiwan, Espanha e China

Discover the world of Santiago Aleman